sexta-feira, 8 de outubro de 2010

A Fonte da Paixão

As botas encharcadas, as meias ensopadas, todo o seu corpo tremia, até o sobrado rangia ao absorver as passadas lentas e desalinhadas do homem do chapéu velho.
Foi neste péssimo estado que o homem do chapéu velho regressou à sua velha e romântica casinha, onde a sua companheira o aguardava já com alguma ansiedade, pois, a noite já tombara há algumas horas e o vendaval teimava em continuar e agravar-se até.
- Oh meu querido, como tu vens!... - impressionada e feliz ao mesmo tempo, interpelou-o antes de ele entrar na cozinha, onde ela se aquecia à lareira, sentada numa banquinha, baixinha, ficando com as nádegas a não mais que mão travessa do chão frio, granítico e húmido.
- Ajuda-me a tirar esta roupa, quase não consigo mexer os dedos, estão gelados... - tiritando de frio, implorou-lhe seu marido entre soluços entrecortados com as sílabas, escassas e enroladas.
A mulher levantou-se e, dirigindo-se a ele, beijou-o loucamente e sussurou-lhe ao ouvido:
- Amo-te, homem, ai ai, adoro-te. Vem, eu dispo-te, ponho a roupa a enxugar à lareira e vou dar-te um banhinho de água tépida, far-te-á bem, vem, vem...
(GM Lanterna Romântica 08-10-2010)

4 comentários:

Gizelda disse...

Oi, HC...

Bom dia!

Seu post é altamente sugestivo, aliás , essa é uma característica bem visível no que escreve: diz pouco e sugere muito.

Este, por exemplo,joga o leitor em um mundo de possibilidades a partir das reticências...todas elas muito sensuais.

beijoooo!

Gizelda disse...

Oi, HC...
Voltei...fui passear pelo seu blog e descobri que em um post de julho que ele nasceu em 10/10/2008.

Se foi isso o que entendi, hoje, 10/10/10 ele faz dois anos.Olha que data mais bonita? Muito linda para dizer que estou feliz que um dia você tenha chegado ao Desassossego e ele chegado até aqui.

Parabéns! E não o deixe tão sozinho. Venha escrever mais vezes...

beijos.

Homem de Campos disse...

Olá, Gizelda

estou imensamente grato a você pelas palavras tão gratificantes e doces - simultâneamente - com que a mim se dirigiu.

Obrigado, amiga,

Beijo

Yolanda Hollaender disse...

Passei aqui para agradecer sua visita ao meu blog e aproveitei para ler os textos de suas postagens.
Interessante a forma como você escreve, estarei acompanhando...
Meu abraço,
Yolanda